FAPESC avalia impacto do Pappe Inovação

LinkedIn

A Fundação de Apoio à Pesquisa Científica e Tecnológica do Estado de Santa Catarina (FAPESC) promoveu em abril um seminário para avaliar os impactos do Programa de Apoio a Pequenas Empresas, conhecido como PAPPE Inovação. Muitos dos resultados apresentados se referem a inovações tecnológicas para indústrias.

Lançado em 2004, o PAPPE promove a pesquisa e o desenvolvimento nas empresas catarinenses, favorecendo sua aproximação com instituições de pesquisa, de modo a gerar e implantar inovações com alto valor agregado pelo conhecimento científico e tecnológico.

Os 14 projetos aprovados – via chamada pública – receberam a parcela final dos valores desembolsados pela Fapesc e Finep. A primeira entrou com RS$ 1.690.264,00 e a segunda, com RS$1.630.023.00, aos quais se somam RS$ 660.892,00 de contrapartida das empresas.

Foi a primeira experiência da FAPESC em projetos de subvenção a micro e pequenas empresas. A fundação catarinense foi a parceira na FINEP no lançamento da chamada pública, repasse de recursos e acompanhamento aos projetos selecionados.

Inovação catarinense
Entre os projetos apresentados no evento estava um novo processo de soldagem que a empresa IMC Engenharia de Soldagem, Instrumentação e Automação criou. O processo está sendo implementando na Embraco, com possibilidade de substituir todos os equipamentos de soldagem da multinacional, inclusive no exterior.

Em outra área, a Vitroplanta Biotecnologia Vegetal estudou como produzir sementes de alho livres de vírus. Além de melhorar a qualidade do alho e por conseqüência dar maior segurança alimentar aos consumidores, a pesquisa contribui para aumentar a produtividade do cultivo e a renda do agricultor que adotar a nova técnica.

Com informações da assessoria de imprensa da FAPESC

Autor: Rodrigo Lóssio

Jornalista formado pela UFSC, especialista em Propaganda e Marketing pela UNIVALI, com MBA em Gestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos pelo I-Group. É sócio-diretor da Dialetto e editor executivo do blog TI Santa Catarina.

Compartilhe esta postagem