OCR desenvolvido por empresa catarinense será instalado no Porto de Itajaí

LinkedIn

Reduzir o tempo de operações com contêineres e ampliar a segurança são as propostas da solução desenvolvida pela empresa Gtt que será instalada no Porto de Itajaí em um prazo de aproximadamente 60 dias. A Gtt, por meio da Gtt Logistic, criou o Easy Gate: um sistema de OCR (reconhecimento óptico de caracteres) formada por um conjunto de câmeras que capturam as placas dos caminhões e o número dos contêineres, utilizando as determinações da Receita Federal para monitoramento.

Sete Easy Gates serão instalados no Porto de Itajaí. Eles ficarão responsáveis pelo controle de entrada e saída de cargas e transportes nas áreas alfandegadas. Após a captura das imagens e identificação dos caracteres, as informações são passadas para o sistema Winport e comparadas em um cadastro previamente recebido para garantir a segurança do processo de movimentação e acesso ao Porto. As informações serão exibidas ao operador do Gate e posteriormente arquivadas para consultas sobre a movimentação dos veículos e contêineres.

Mais do que obedecer a uma exigência, a solução garante redução de até 80% do tempo de operações, elimina erros por intervenção humana, porque dispensa digitação de dados, garante a integração das informações com outros sistemas e aumenta a capacidade de operações dos Gates. A instalação do Easy Gate no Porto de Itajaí é um passo importante para o mercado de tecnologias de autoidentificação no segmento logístico. Com as novas exigências, são abertas demandas para outras tecnologias, como RFID, e, consequentemente, reduzidos os gargalos nas operações portuária.

Euclydes Kraus, coordenador de vendas da Gtt Logistic.

Abertura de mercado

A determinação da Receita Federal representa a abertura de mercado nacional para tecnologias de autoidentificação. A Gtt já está em negociação com o Porto de Santos e tem grandes expectativas para este ano. Pensando nisso, a empresa está abrindo um escritório em São Paulo e espera faturar R$ 2,8 milhões só com o segmento de logística.

Com informações da assessoria de imprensa da Gtt

Autor: Diego Cardoso

Jornalista, lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Morbi sagittis, magna ut ullamcorper consectetur, sapien felis faucibus eros, eget gravida lacus risus vel justo. Sed venenatis nulla molestie ipsum faucibus elementum. In posuere mi orci, imperdiet ullamcorper neque malesuada sed. Fusce aliquet eros in tincidunt maximus. In hac habitasse platea dictumst. Donec eros nunc, pharetra id luctus eu, pharetra in risus. Proin eget dolor eget purus sagittis facilisis sed a purus.

Compartilhe esta postagem