EDTED’11: de criação à design 360

20110924-114305.jpgComo a criação pode aprimorar o relacionamento e a defesa dos seus trabalhos frente ao cliente. Bruno Duarte, líder de projetos da A2C, agência digital com sedes em Joinville e São Paulo, abordou o tema na palestra De criação à design 360. Duarte foi o segundo palestrante do espaço Design e Marketing, do EDTED Florianópolis 2011.

O profissional da A2C iniciou a palestra abordando de forma humorada como surgiu o cliente e como o desenvolvimento da economia e dos mercados, especialmente o de mídia, influenciou o relacionamento entre empresas e consumidores.

O compromisso da publicidade com o cliente deve ir muito além do aspecto da criatividade. Segundo Duarte, é preciso mudar a forma de criar porque o cliente mudou a forma de consumir produtos e informações. Cannes não pode ser mais termômetro para o sucesso de uma ação com foco no cliente, aponta o profissional.

Na criação, segundo Duarte, a metodologia é não ter metodologia; as informações são na sua maioria de ordem subjetiva, baseadas em feelings, vivências e experiências pessoais de cada profissional.

Migrar de um estado de criação para o de design, já que o último utiliza as pessoas, reais, no centro do desenvolvimento de um projeto. O trabalho é realizado em equipe, com profissionais multidisciplinares. Tudo serve como documentação: configuração, concepção, elaboração e específicação. A pesquisa é fundamental e este conjunto de ações gera empatia por se colocar no papel do outro.

Design 360 é um conceito que a A2C está desenvolvendo para mudar esta percepção de atendimento às necessidades reais do cliente. Ainda não é uma metodologia, nem uma fórmula mágica ou produto final – requer evolução.

O conceito integra uma série de etapas de relacionamento e validação de projetos que está centrada na participação de todos os times de uma agência – do atendimento à criação, de forma multidisciplinar. Iniciação, kickoff criativo, designação, significação, diversão, documentação são as etapas propostas pelo Design 360.

Os reports, ou seja, os comunicados aos clientes da evolução dos projetos, são constantes e facilitam o desenvolvimento e diminuem os riscos e os erros do entendimento e relacionamento cliente agência.

Autor: Rodrigo Lóssio

Jornalista formado pela UFSC, especialista em Propaganda e Marketing pela UNIVALI, com MBA em Gestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos pelo I-Group. É sócio-diretor da Dialetto e editor executivo do blog TI Santa Catarina.

Compartilhe esta postagem