Gestão de consultórios médicos na web

Um empreendedor do Sul de Santa Catarina investe num software que pretende levar para a web a gestão dos consultórios médicos. O sistema, chamado de NinSaúde, informatizou o agendamento de consultas médicas, atendimento, impressão de documentos, prontuário eletrônico do paciente e fluxo de caixa, com o diferencial de todas as informações estarem disponíveis a qualquer dispositivo conectado à internet.

O criciumense Helton Marinho, da empresa Ninsas, investiu no desenvolvimento de uma solução alinhada ao conceito de computação nas nuvens, em que os médicos e responsáveis pela gestão de consultórios podem acessar as informações de seu estabelecimento por computadores, laptops, smartphones, de qualquer lugar – no próprio consultório, em casa, em trânsito.

O sistema segue toda as normas definidas pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) para este tipo de solução e se mantém atualizado com todas as novidades e exigência periodicamente definidas pelo órgão.

Uma das preocupações mais comuns em sistemas como o NinSaúde é quanto a segurança das informações publicadas – ainda mais se tratando de dados médicos. O sistema garante a privacidade de todas as informações, que são transacionadas utilizando um canal seguro (https), com criptografia.

Outro diferencial do sistema é o custo: por apenas R$ 62 mensais um consultório já pode contar com o serviço, fazendo o pagamento por boleto bancário ou transferência. Interessados em conhecer o produto podem experimentar as funcionalidades da solução na própria web.

Autor: Rodrigo Lóssio

Jornalista formado pela UFSC, especialista em Propaganda e Marketing pela UNIVALI, com MBA em Gestão de Negócios, Mercados e Projetos Interativos pelo I-Group. É sócio-diretor da Dialetto e editor executivo do blog TI Santa Catarina.

Compartilhe esta postagem